O que são artérias carótidas?

As artérias carótidas são as principais vias sanguíneas do corpo, responsáveis por levar o sangue para o cérebro. Na estenose da carótida, ocorre um acúmulo de substâncias gordurosas nas artérias, o que obstrui a passagem do sangue.

Quais os sintomas da estenose de carótida?

A estenose de carótida é uma doença que não apresenta sintomas claros e imediatos. Muitas vezes, eles só aparecem em estágios mais avançados do problema. Quando os sintomas surgem são como um “pequeno derrame”, chamados ataques isquêmicos transitórios. Nesse caso, pode ocorrer perda visual súbita por um período e e voltar logo em seguida, perda de força de um lado do corpo com melhora em seguida, e até alterações na fala.

Os fumantes configuram os pacientes mais suscetíveis a essa patologia, visto que as substâncias do tabaco contribuem para a formação de placas de gordura nas artérias.

ecodopller

Como é o diagnóstico de estenose de carótida?

Para identificar a estenose de carótida, a técnica mais eficiente é o Ecodoppler, exame que utiliza a tecnologia do ultrassom para avaliar, em tempo real, o fluxo sanguíneo nas artérias. Outros exames como a angioressonância dos vasos cervicais e angiotomografia complementam o diagnóstico.

O exame padrão ouro para o diagnóstico da estenose de carótida é a angiografia, contudo, é um exame invasivo e não realizado de forma rotineira para a realização desse diagnóstico.

Como é o tratamento para estenose de carótida?

Existem duas opções de tratamento para a estenose de carótida, sendo a mais eleita a endarterectomia, procedimento que remove as placas de gordura que estão obstruindo o fluxo sanguíneo da região. A cirurgia da carótida é realizada por meio do acesso na região cervical e exposição da carótida com seus ramos. Abre-se a artéria e é feita a remoção das placas de gordura, realizando uma microsutura das paredes das artérias.

Para o procedimento, o cirurgião promove uma pequena abertura no pescoço e na artéria, de modo a ter acesso às placas. Esta é a abordagem mais indicada para o tratamento da estenose, visto que apresenta bons resultados e poucas complicações posteriores para o paciente.

endarterectomia-carotida-g

Em casos de pacientes com mais idade ou que já realizaram cirurgia na região cervical e/ou radioterapia de região cervical, é preferível o uso do tratamento com cateter.  O instrumento é inserido através de punção da artéria femoral e levado até a artéria carótida, ao nível cervical, onde é aberto um stent que abre a luz do vaso para a passagem de sangue.

stent carotida